Descubra a nossa NOVA Plataforma Kwanko aqui

Como é que uma ferramenta de comunicação inventada há mais de 30 anos continua a ser tão popular entre os profissionais de marketing e os consumidores? Dito isto, o email é regularmente referido como estando a aproximar-se do fim da sua vida útil. É isto que o mercado nos faz acreditar, sendo que mais uma vez, o email tem resistido a todas as revoluções digitais (redes sociais, chat, notificações móveis, aplicações, gamificação, etc.). Um estudo levado a cabo pela Adobe mostra que 61% dos consumidores preferem receber comunicações de marketing através de email.

O email pode muito bem ser o principal canal para as comunicações digitais, mas o que o torna o melhor canal de conversão? Passamos a explicar.

O Email Marketing é Facilmente Automatizado

O email é crucial para receber confirmações de compra e entrega, inscrever-se em eventos e definir lembretes automáticos (cestos de compras incompletos, campanhas de marketing futuras, etc.). Estamos todos permanentemente conectados aos nossos emails, tanto nas nossas vidas pessoais como profissionais, e esta ligação é crucial na criação de ligações emocionais com marcas que enviam as mensagens adequadas.

O email marketing é a forma mais fácil de os não-especialistas testarem a automatização. Estão disponíveis ferramentas que não requerem quaisquer conhecimentos técnicos e que podem ser utilizadas com muita facilidade. O email marketing é também muito fácil de ser integrado nas ferramentas existentes (bases de dados, CRM, CDP, etc.) pelos profissionais.

O Email é um Identificador Exclusivo

O email é um pouco como um passaporte digital: algo que temos sempre tendência a guardar e mais fiável do que um endereço postal ou um número de telefone. Mesmo que mude de casa ou de emprego, mantém sempre o seu endereço de email pessoal. Em B2B, se uma empresa for submetida a mudanças, os utilizadores mantêm os endereços de email profissional. O email garante a unicidade dos dados e facilita o controlo de qualidade dos contactos (endereços duplicados, endereços inexistentes, etc.).

Isto é essencial para ferramentas de CRM e plataformas CDP de elevada qualidade.

O Email Marketing Facilita a Segmentação e a Classificação

Uma campanha de email marketing fornece dados abrangentes sobre o comportamento dos potenciais clientes e é a melhor forma de alcançar as pessoas adequadas graças à segmentação única. Pode avaliar com precisão o impacto de uma campanha e automatizar a classificação dos seus potenciais clientes de acordo com aberturas, cliques e reencaminhamentos. A avaliação do desempenho é simples e fácil de obter, graças ao email marketing.

Cada perfil pode ser personalizado de acordo com critérios pessoais, e funciona tão bem como com campanhas de testes A/B concebidas para avaliar o desempenho das ações e otimizar a sua tomada de decisões.

O Email Marketing é um Canal de Conversão de ROI

O email marketing custa muito pouco para enviar e pode ter um retorno significativo. O custo de aquisição de clientes permanece baixo. Recuperar o custo de uma base de dados é fácil no âmbito de uma abordagem omnicanal, na qual o email desempenha um papel central (Landing Pages, cupões promocionais, ofertas exclusivas, etc.).

O email é também um canal de fidelização eficaz. É importante lembrar que fortalecer as relações com os clientes é menos dispendioso do que procurar novos clientes. A este respeito, as campanhas de email marketing bem concebidas permitem-lhe manter-se em contacto com a sua comunidade, clientes antigos e representantes.

Além de fortalecer as relações com os clientes, o email é também um canal de aquisição de novos clientes. As campanhas de email de teste em bases de dados externas são essenciais e também são consideradas uma fonte de ROI. Pretende obter mais informações? Contacte os nossos especialistas!

O Email Marketing é Fácil e Acessível

Pode, é claro, criar uma campanha de email, utilizando um designer gráfico, um analista de dados e um designer de experiência do utilizador. Mas, de um modo geral, a criação de uma campanha é fácil, quando tem acesso a um modelo com eficácia comprovada. Não tem de ser um especialista em TI para o fazer. Tem apenas de atualizar o seu catálogo de produtos, recursos visuais, títulos e hooks, de modo a criar uma campanha de elevado impacto em apenas alguns minutos.

Visite o nosso estúdio para criar um Kit Email eficaz e de elevado desempenho!

O Email Marketing é Cross-Device

O email marketing funciona em todos os dispositivos: smartphones, tablets e desktops. Adapta-se a todas as resoluções e até utiliza novas funções interativas. Com a tecnologia de código aberto AMP (suportada pela Google), em breve será possível preencher e enviar formulários diretamente a partir do seu software de email, bem como navegar em galerias de fotografias, efetuar reservas em hotéis e comprar bilhetes de avião.

Há muitas novas funções no horizonte que vão valorizar o email. O email marketing é, de longe, a melhor forma de alcançar potenciais clientes de uma forma fiável e rentável, enquanto a redução do alcance das plataformas sociais está a fazer com que os anunciantes recorram constantemente aos seus bolsos.

Em conjunto com uma boa gestão dos dados e com uma estratégia simples, o email marketing continua a ser, de longe, o melhor canal de conversão para impulsionar as suas vendas online.

Sabe por que razão deve criar o kit email perfeito? Apesar das redes sociais, das mensagens instantâneas e das aplicações móveis, o email continua a ser um dos meios de comunicação mais eficazes. As campanhas de marketing de desempenho por email são também uma alavanca de marketing que não deve subestimar para comunicar através de uma base de contactos em regime de opt-in (adesão voluntária) no âmbito de uma campanha de afiliação. Para facilitar este trabalho, os anunciantes colocam à disposição dos editores kits de comunicação destinados a serem utilizados em Websites de terceiros. Entre estes, encontramos o kit email que permite ao anunciante controlar a sua comunicação, o seu design e as mensagens-chave a partilhar. Mas, criar um kit email perfeito não é uma tarefa fácil. Explicamos-lhe como otimizar as suas mensagens!

O que inclui um Kit Email Perfeito?

Não pode pedir aos editores que façam o trabalho de design por si. Embora alguns sejam especialistas em tecnologia, outros estão menos à vontade com a criação de emails. Sobretudo porque não conhecem todas as subtilezas do seu gráfico (códigos de cores, logótipo, tipo de letra, etc.). É por isso que o kit email tem a vantagem de estar pronto a utilizar, sem conhecimentos técnicos. Para isso, os anunciantes fornecem um ficheiro HTML que os editores podem importar na sua ferramenta de gestão de campanhas de marketing por email. Todas as imagens estão alojadas num servidor de terceiros – geralmente do anunciante – o que garante uma grande disponibilidade e uma velocidade de carregamento otimizada. Dentro do kit, também encontra recomendações ou diretrizes para integrar o conteúdo do email nas ferramentas mais populares onde estão alojados os endereços em regime de opt-in (adesão voluntária).

O objetivo é não tocar no código para poupar tempo e ter um estilo consistente. Um anunciante que trabalha com vários editores pode ver a sua mensagem ser transmitida de modo uniforme no quadro de uma relação de confiança.

Os essenciais para um Kit Email Perfeito

Quanto melhor for o kit email, melhor será o potencial de retorno do investimento. Gerir os seus kits com um orçamento apertado é geralmente o caminho mais curto para campanhas mal construídas e dececionantes. Para evitar esta situação, seguem-se os elementos essenciais a reter e a integrar:

Ao nível da conceção e do design

Um email responsivo

O seu design deve ser otimizado para ser apresentado na perfeição em todas as plataformas e em todos os terminais. A seriedade e o profissionalismo do código são indispensáveis para uma representação de elevada qualidade.

Imagens inspiradoras

As imagens que compõem o email (cabeçalho, rodapé, imagens ilustrativas, ambiente ou retiradas do catálogo de produtos) devem ser otimizadas (peso e tamanho) para não prejudicarem o carregamento da página.

Links funcionais

Um link para um erro 404 ou para uma imagem inexistente no seu servidor são erros de principiante a serem evitados nesta fase.

Rastreadores relevantes

Todos os links, botões e CTA (Call To Action) devem ser rastreados com ferramentas úteis para avaliar o desempenho da sua campanha (e melhorá-la no futuro, se necessário).

Ao nível do conteúdo

Etiquetas dinâmicas

Se possível, personalize o seu email com etiquetas dinâmicas para uma mensagem mais autêntica (nome, apelido, sexo, localização geográfica, etc.).

Um slogan forte e um conteúdo legível

Um email não é uma página Web. O conteúdo deve ser breve e compreensível. A escolha das palavras, dos títulos e do tipo de letra pode fazer a diferença entre um email relevante e uma mensagem que é entregue diretamente na caixa de spam ou no lixo.

Um conteúdo sem erros ortográficos

É simples e básico, mas vale sempre a pena repetir!

Um conteúdo atualizado e controlado

Não duplique os kits emails antigos existentes sem verificar se as informações incluídas ainda são relevantes (link, oferta promocional, mensagem, imagem, etc.). O controlo de qualidade deve ser sistematicamente imposto.

Ao nível das obrigações legais

Cumprimento do RGPD

A lei europeia é da responsabilidade do anunciante, incluindo quando este trabalha com subcontratantes. Trabalhe apenas com parceiros de confiança que cumpram as regras do RGPD.

Link de cancelamento da subscrição

Faz parte das regras clássicas, mas deve ser bem integrado e colocado num local visível.

Endereço e informações de contacto do anunciante

Obrigatório para identificação do remetente da mensagem.

Mensagem de confirmação

Para explicar por que motivo o destinatário recebe este email e em que contexto.

Com todos estes conselhos, tem agora à sua disposição todas as práticas recomendadas para criar o kit email perfeito e otimizar as suas campanhas futuras. Tem apenas de começar a transmitir as suas mensagens junto de uma comunidade recetiva e interessada. Necessita dos serviços de um estúdio gráfico? A nossa equipa de Web designers é especializada em performance marketing. Contacte-nos para saber mais!

Implementado em maio de 2018, o RGPD (Regulamento Geral de Proteção de Dados) é um texto que transformou a indústria do Marketing, proporcionando mais direitos e proteções para os consumidores europeus. Entre a gestão do consentimento, novas obrigações em termos de responsabilidade, medidas de segurança e gestão da proteção de dados, o RGPD tem sido muitas vezes apresentado como o “big-bang” que levaria a uma reforma completa das práticas de marketing. E, em particular, das práticas de Email Marketing. Por isso, é necessário adaptar-se, porque o texto é juridicamente vinculativo, mas é possível utilizar o RGPD para impulsionar o seu marketing por email. Como? Explicações.

Transparência e confiança para um maior compromisso

O RGPD define novas regras que visam proteger a privacidade e os dados dos consumidores. Para além das restrições aparentes, esta mudança pode tornar-se numa alavanca empresarial para os anunciantes conscienciosos. Garantir a proteção dos dados dos potenciais clientes e dos clientes é, atualmente, um valor muito importante e é um assunto muito falado pelos meios de comunicação. Enquanto as ofensas, piratarias e outras utilizações indevidas dos dados pessoais são assunto do quotidiano, um anunciante responsável pode destacar-se ao integrar os componentes do RGPD nos seus valores internos. Proteger os dados dos seus utilizadores é também proteger a sua marca e a sua imagem.

Esta transparência deve também refletir-se em toda a cadeia de tratamento dos dados. Com efeito, o RGPD lembra que os responsáveis pelo tratamento e seus subcontratantes podem ser responsabilizados pelos danos na sua totalidade a fim de garantir uma indemnização efetiva. Certificar-se de que tem parceiros de confiança é uma garantia de transparência e uma alavanca potencial de comunicação.

Com uma abordagem rigorosa, o RGPD não deve ser considerado como um encargo adicional pelos profissionais de marketing, mas sim como uma oportunidade para a diferenciação. Uma mais-valia que pode mudar tudo, se devidamente comunicada, particularmente num processo de inbound marketing.

Dados mais qualitativos

No momento da sua implementação, o RGPD eliminou todas as bases de dados de marketing. Na verdade, as pessoas restantes são aquelas que estão realmente interessadas nas suas ofertas e produtos. O cancelamento da subscrição é um processo simples. O processo de double opt-in (consentimento prévio duplo) garante o interesse e obriga o utilizador de Internet a dar explicitamente o seu consentimento. Por fim, o facto de nem o “soft opt-in” nem o “soft opt-out” serem permitidos facilita o preenchimento dos dados relevantes.

Em termos de marketing por email, se a quantidade for importante, a relevância e a qualidade são ainda mais importantes. É por isso que a perda de muitos utilizadores nos ficheiros internos não representa realmente uma ameaça. Na verdade, o RGPD tem um impacto direto nos KPI. Os dados são realmente acionáveis e os indicadores-chave são muito mais eficientes. A taxa de abertura é mais elevada, as conversões estão em alta, o compromisso é maior e a entregabilidade aumenta. Embora se diga que os utilizadores de Internet estão mais móveis e inconstantes do que nunca, o RGPD ajudou a reforçar os critérios estratégicos de qualidade. Uma boa notícia para acionar uma estratégia que se baseia no sucesso e no desempenho.

Campanhas otimizadas

A segmentação dos dados das suas campanhas de marketing por email permite personalizar as mensagens. Com o RGPD, pode trabalhar mais detalhadamente com as pessoas que realmente querem receber as mensagens certas no momento certo. Não perde mais tempo a criar campanhas inúteis e pode concentrar a sua energia no que realmente importa. Trata-se de uma abordagem que facilita a fidelização dos seus clientes. Na verdade, o tempo investido diz agora respeito às pessoas suscetíveis de se comprometerem permanentemente com a sua marca.

Por fim, o RGPD também reforça a segurança. Tornou obrigatório o conceito de “privacy by design” (privacidade desde a conceção), protegendo ainda mais os dados, os fluxos de comunicação e todos os processos internos que afetam as bases de dados.

Dados de qualidade superior, mais bem protegidos e desenvolvimento de valores realmente focados na proteção das informações pessoais. Estes são alguns exemplos dos impactos concretos do RGPD no marketing por email. Uma mudança que teve de incluir todos os fornecedores e agências especializadas, bem como comerciantes online e empresas que fazem a gestão de dados. Uma boa oportunidade para melhorar as suas práticas internas para maior eficiência e otimização da sua empresa.

Se tiver alguma dúvida sobre o RGPD e sobre o marketing por email, entre em contacto com a nossa equipa de especialistas da Kwanko.